Principais medidas do OE 2024 para as empresas, em Portugal | Wintouch - Software de Facturação na Cloud

Contabilidade e Faturação

Principais medidas do OE 2024 para as empresas, em Portugal

No final de cada ano, é apresentado o Orçamento do Estado (OE) para o ano seguinte, que funciona como uma ferramenta de gestão, semelhante ao que acontece nas empresas ou nas famílias. Este documento discrimina as receitas e despesas, influenciando diretamente a vida de todos os cidadãos.

Após a apresentação da Proposta de Lei do OE 2024 na Assembleia da República, inicia-se um período de debates e propostas de alteração por parte dos partidos eleitos. Este processo decorre ao longo de aproximadamente dois meses, desde a entrada no parlamento (10 de outubro de 2023) até à votação final para aprovação do OE, prevendo-se que esteja aprovado antes do Natal.

Para acompanhar o processo de discussão do OE 2024 e as possíveis alterações nas medidas fiscais, pode consultar o calendário da Assembleia da República ou assistir ao canal Parlamento.

O relatório do Orçamento do Estado, disponível para consulta, apresenta as prioridades para 2024. O Governo destaca, no sumário executivo, medidas genéricas relacionadas com impostos como o IRS e o IRC, entre outros.

Algumas das medidas propostas incluem:

  • Revisão do IRS, com limites de escalão revistos e redução transversal, especialmente até ao 5º escalão;
  • Medidas especiais para jovens, como o IRS jovem, passes gratuitos e devolução de propinas;
  • Benefícios para pais, como a gratuitidade das creches e reforço do abono de família;
  • Incentivos à habitação, como bonificação de juros e apoio à renda;
  • Medidas para os transportes, como o congelamento do preço dos passes e investimento em infraestruturas de transporte.

O relatório também delineia o cenário económico português e as medidas de apoio do governo para 2024, com um aumento estimado de 24% no investimento público, impulsionado pelos projetos do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

As medidas fiscais propostas no OE 2024, que afetam diretamente as empresas, incluem:

Incentivo à Capitalização: Reforço do incentivo fiscal à capitalização das empresas, com a atribuição de 180 milhões de euros.

Taxa Reduzida de IRC: Aplicação de uma taxa de 12,5% sobre os primeiros 50 mil euros de matéria coletável para empresas inovadoras e certificadas no setor da tecnologia.

Ganhos de Planos de Ações: Alterações no regime de tributação para planos de ações, estendendo-se a start-ups.

Redução das Taxas de Tributação Autónoma de IRC: Diminuição das taxas de tributação autónoma para veículos e novo incentivo à renovação de frotas.

Gastos Considerados na Lista de IRC: Inclusão do custo de aquisição de propriedade industrial e goodwill nos gastos fiscais no IRC.

Isenção de IRC: Isenção de IRC para juros pagos pela remuneração da Segurança Social e da Previdência.

Habitação para Trabalhadores: Isenção de descontos em sede de IRS e contribuições para a Segurança Social na cedência de alojamento permanente aos trabalhadores.

Fim da Taxa sobre Lucros Extraordinários: Fim da taxa sobre lucros extraordinários na energia e retalho alimentar.

Além disso, há medidas que impactam diretamente os trabalhadores, como:

Aumentos Salariais: Aumentos salariais regulados pelo IRC, com um aumento mínimo de 5% para 2024.

Participação nos Lucros: Isenção de IRS para lucros distribuídos aos trabalhadores, até um teto máximo de 5 vezes o rendimento mínimo garantido.

Contratação de Profissionais Qualificados: Incentivo fiscal à criação de postos de trabalho para mestres e doutorados.

É fundamental estar atento a estas mudanças, pois algumas delas podem afetar diretamente as rotinas de faturação das empresas, como a tributação de sacos de plástico leves e embalagens de utilização única.

Para obter informações detalhadas sobre todas as alterações propostas no Orçamento do Estado para 2024, consulte a proposta oficial, uma vez que este artigo abrange apenas algumas das medidas consideradas mais relevantes para o mundo empresarial.

Artigos relacionados

Integração aprimorada de TPA no Setor do Retalho com Wintouch Cloud

No dinâmico mundo do retalho, onde cada segundo conta e cada transação é crucial, a eficiência é a chave para o sucesso.

Neste cenário de constante evolução, a integração aprimorada...

Gestão Simplificada de Esplanadas e Restaurantes no Telemóvel: Como o Wintouch Cloud está a revolucionar o sector da Restauração

Na era digital em que vivemos, a mobilidade é fundamental para o sucesso de qualquer negócio, e ainda mais na indústria da restauração.

Com clientes cada vez mais exigentes e a necessidade...

Como o Wintouch Cloud está a revolucionar o mercado de Autovenda

Nos últimos anos, as vendas diretas “porta a porta” têm passado por uma transformação significativa impulsionada pela tecnologia. E à medida que as expectativas dos clientes evoluem, também as...